SINPROF satisfeitos com aprovação do Estatuto da Carreira  do Docente mas aguardam publicação em Diário da República

O presidente do (SINPROF), Guilherme Silva, disse estar satisfeito com a aprovação do Estatuto da Carreira Docente pelo Governo. Porque vai garantir a melhoria das condições salariais e de trabalho dos professores.

Com a aprovação do Estatuto da Carreira Docente vai iniciar-se o processo de actualização de categorias  Como forma de se valorizar, dignificar e promover o professor angolano que enfrenta vários problemas”, disse Guilherme Silva.

O sindicalista espera agora que o Estatuto da Carreira Docente, aprovado hoje em Conselho de Ministros, seja “urgentemente” publicado no Diário da República.

Segundo o presidente do SINPROF, com aprovação do estatuto as autoridades estarão em condições de actualizar categorias profissionais de professores. Efectuar o pagamento dos suplementos remuneratórios e a regularização da transição do regime probatório. Que eram as principais exigências dos professores durante as últimas greves realizadas.

O Sinprof esteve cada vez mais forte e unido, esteve sempre aberto ao diálogo e entregou as suas contribuições para o enriquecimento do novo estatuto. Vamos ver no Diário da República se esta lá tudo cumprido” reiterou.

Pelo seu lado, o presidente da Associação dos Professores de Angola (APA), Manuel Inácio Gonga, saudou o Executivo de João Lourenço por ter viabilizado a aprovação do Estatuto da Carreira Docente.
“Hoje é um dia muito especial para os professores angolanos”, observou Manuel Inácio Gonga, destacando o papel desempenhado pelos sindicatos que pressionaram o Governo a aprovar o estatuto.

De acordo com o presidente da Associação dos Professores de Angola, o novo estatuto de carreira vai propiciar a retenção dos agentes no ensino. A estabilidade do corpo de professores bem como a promoção de uma melhor qualificação do factor humano na educação.

 

NovoJornal

PARTILHE ESTE ARTIGO EM:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *